dois anos depois

dois anos depois

dois anos depois

Obrigada a todos pela resposta calorosa ao último post. Há muito que se ponderava sobre o assunto cá em casa – hoje sei que não era preciso ponderar tanto, que a vida deve ser vivida vivendo-a, mas acho que sem esse tempo de maturação eu não estaria onde estou agora.
As primeiras semanas foram mais difíceis, não consegui encontrar forças em mim para continuar o meu ritmo de trabalho. Agora, quase a entrar no segundo trimestre, sinto o sangue a voltar a casa.
E agora, que tenho um ninho a construir, decidi retomar os trabalhos abandonados. Esta peça, que sem me aperceber ficou dois anos à espera, levou-me uma hora a acabar. Encontrou lugar no chão da sala, junto de muitos livros e jogos, por onde mãos e mentes curiosas costumam passar.

9 comentários em “dois anos depois”

  1. Dank je, Petra!

    Vera, o frisado é por causa do quilting, sim… não sei porquê mas decidi preencher o tecido todo com minúsculos pontos! Por isso demorou tanto!

    Querida Fernanda, é assim mesmo, tens razão. Beijinhos a todos aí em casa!

    Responder

Deixe um comentário